Projecto Ideias Ambientais de Silvia Chambel

Um blog que pretende animar toda a gente e promover a Sensibilização Ambiental

O encantado Palácio do Rei do Lixo

Deixe um comentário

O palácio que a todos encanta, quando por ali passam na estrada nacional 10 (Coina): o famoso palácio do rei do lixo, ou   a Torre de Coina, havendo quem também lhe chame o Palácio da Bruxa. Para mim despertava encanto, mistério e sem dúvida uma bela história que quis conhecer. Não descansei enquanto não o visitei, percorrendo um caminho verde, cheios de cheiros, cores e sons e de repente salta aos meus olhos, este belo sítio, uma torre alta cheia de histórias …

Esta quinta remota o século XVIII, de D. Joaquim de Pina Manique, irmão do intendente de D. Maria I, Diogo Inácio Pina Manique. Mais tarde foi adquirida, no século XIX, por Manuel Martins Gomes Júnior, comerciante de Santo António da Charneca, que em 1910 mandou construir o palácio, diz-se, para que “conseguisse avistar a propriedade que possuía em Alcácer do Sal”. Manuel Martins Gomes Júnior era conhecido como o “Rei do Lixo”, pois era ele que recolhia os detritos da cidade de Lisboa, que depois comercializava, tendo feito uma fortuna a comprar e vender lixo.

Manuel Gomes Júnior transformou a ermida da propriedade em armazém e estábulo e baptizou a herdade de “Quinta do Inferno”. Posteriormente, e através de António Zanolete Ramada Curto, genro do “Rei do Lixo”, a propriedade tornou-se numa importante casa agrícola.

Mais tarde, em 1957, foi vendida aos grandes proprietários e industriais de curtumes Joaquim Baptista Mota e António Baptista, que constituíram a Sociedade Agrícola da Quinta de S. Vicente e transformaram a propriedade numa importante exploração pomícola.

Na realidade, Manuel Martins Gomes Júnior e a sua família nunca chegaram a habitar na Quinta da Torre (por as suas obras terem sido interrompidas cerca de 1913-1914, deixando o imóvel incompleto), mas o facto de tê-la adquirido e lhe imposto o aspecto realengo imponente como espécie de memória póstuma do primitivo pouso cujo donatário estava ligado à Casa Real, sendo também ele “rei” (do lixo) por certo quis ter um palácio condigno com tal título, ou melhor, alcunha, que os mais desaforados de Coina também apodavam de “porco sujo”. No entanto, não se dava o valor ao facto deste contribuir para a higiene pública da capital, ao mesmo tempo que a sua perspicácia empresarial via nisso uma forma gratuita de aumentar a sua riqueza.

Mais tarde passou a ser chamada Quinta do Inferno, com a sua Torre do Diabo que mandou fazer em 1910, dizendo-se que transformou a capela da quinta em armazém e estábulo,  sendo certo que em 1906 abriu uma escola dotada na mesma que ofereceu à educação gratuita dos seus empregados e filhos, e às suas fragatas transformadas em arrastos do lixo deu-lhes os nomes de Mafarrico, Mefistófeles, Demo, Diabo, Satanás, Belzebu, Horrífico, Caronte, Plutão, Averno e outros mais mimosamente escolhidos para chocar a conservadora e católica flora.

Por certo tratou-se de uma provocação desaforada ao regime eclesiástico secular que a recente Revolução de 5 de Outubro depusera, mas com isso ficou até hoje com fama de ateu anti-deísta impenitente dotado de um feitio irregular e pouco afectivo.

[Autoria: Engª Sílvia Chambel]

Autor: Projecto Ideias Ambientais (de Silvia Chambel)

Silvia Chambel, nasceu em Alhos Vedros. É licenciada em Engenharia do Ambiente e especializada em prevenção de riscos laborais. Possui CAP de formadora, curso de 1ºs socorros e de meios de 1ª intervenção a combate a incêndios. O Projecto Ideias Ambientais como ideia surgiu em 2004. Representa um sonho profissional e pessoal da Silvia. Desde muito cedo mostrou interesse por actividades ambientais, planeando trabalhar na área ambiental, onde poderia dar o seu contributo pessoal e usar os seus conhecimentos mais técnicos. Teve algumas oportunidades no mercado, mas nenhuma satisfazia o seu grande desejo de aumentar a sensibilização ambiental. Esta última em particular, continua a ser uma forte lacuna nas empresas e na nossa sociedade. Tem sido vista como sendo uma área que não tráz lucro, mas sim despesa. Foi então que a Silvia decidiu lutar pelo seu sonho e lançar as suas ideias ambientais. Nasceu assim o "Projecto Ideias Ambientais" de Silvia Chambel. Toda a sua imagem gráfica, website e Baú das Ideias, tem tido o apoio incondicional da sua irmã, Paula Ribeiro, Consultora de Design em UK desde 2005. O grande objectivo da Silvia com este projecto, é promover o conhecimento nesta matéria e promover a sensibilização ambiental, começando nas crianças. Durante a sua vida, Silvia Chambel, tem convivido com muitas pessoas e crianças de todas as idades. As suas experiências pessoais e profissionais, têm trazido muito saber e experiência únicos ao projecto Ideias Ambientais. Conhecida pelos seus sorrisos, pelo seu lado muito humano e por estar sempre pronta a ajudar os outros! Silvia é excelente nas relações humanas, conseguindo tirar sorrisos a crianças e adultos, o projecto prolongou-se assim às animações ambientais. Desde muito cedo que começou a fazer voluntariado: em colectividades, ocupação de tempos livres, sensibilização, animação, etc... A ideia de fazer no seu prório projecto era hilariante. Grandes e pequenas, muitas empresas se têm aliado a este projecto, fortalecendo e abrindo novos caminhos para crescer em conhecimento e experiências. Silvia tem tido a honra de colaborar com grandes nomes do mercado empresarial, Câmaras Municipais, Juntas de Freguesia e Escolas por todo o país. Tem escrito artigos para jornais e websites, feito reportagens na TV, Seminários, exposições fotográficas, entre outros. Anualmente realiza as comemorações do Dia da Criança e do Dia do Ambiente, com o apoio

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s